Carta de Cidades Inteligentes deve agregar soluções de gestão inovadoras em âmbito local, estadual e nacional

CARTA DE CIDADES INTELIGENTES DEVE AGREGAR SOLUÇÕES DE GESTÃO INOVADORAS EM ÂMBITO LOCAL, ESTADUAL E NACIONAL

O Fórum Inova Cidades participa da construção da Carta de Cidades Inteligentes, uma agenda de nível local, regional e nacional que oferecerá diretrizes a governantes municipais sobre o tema. “O prefeito que vai trabalhar com inovação em sua gestão, deve trabalhar com o quê?”, explica Ana Paula Bruno, coordenadora geral de Apoio à Gestão Regional e Urbana do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR).

A agenda, que será aberta, online e colaborativa, é um esforço para agregar iniciativas dispersas de gestão inovadora de cidades, tanto no setor público quanto no privado. A ideia é que o projeto se transforme em uma plataforma de gestão de conhecimento e condução da agenda, mantendo assim o debate vivo e organizando as iniciativas em andamento.

A Carta, uma parceria do MDR com o GIZ (Sociedade Alemã de Cooperação Técnica, em tradução livre do alemão), também deve alimentar e pautar a Câmara de Cidades Inteligentes. Esta, por sua vez, é um espaço de convergência dos programas de cidades inteligentes do governo federal que oferece indicadores para avaliar os municípios em relação às suas práticas de inovação – e do qual o Fórum também foi convidado a participar.

Além de envolver-se nos eventos de construção da Carta, o Fórum Inova Cidades deseja atuar como uma ponte da iniciativa com os municípios, entendendo as demandas locais. No futuro, a Carta passará por uma consulta online antes de seu lançamento.

A reunião sobre a Carta de Cidades Inteligentes foi realizada no início de outubro com representantes do Fórum, Ana Paula Bruno e João Mendes, diretor de Desenvolvimento Urbano Regional, e fez parte de uma série de encontros em Brasília de apresentação e ampliação da representatividade do Inova Cidades.

um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.